sábado, 24 de julho de 2010

Eterno?

Sempre nos deparamos com algo que nos faz acreditar que será para sempre.

Desejamos e por instantes achamos que será mesmo eterno, a consciência é derramada como água descendo em cachoeira... Esquecemos que nada é pra sempre neste mundo!

Das mentiras que convivemos até as mais sinceras provas de amor, tudo demonstra um certo sentimento, muitas vezes o amor causa mentiras e provas... Causa também muitas outras coisas, assim como o ódio. Um desacordo entre os dois sentimentos, algo tão belo quanto a contradição de um amnético defendendo teses constantemente, onde progressivamente expõe estratégias diferentes de defesa.

Acreditei por milhares de vezes que o que estava diante de mim duraria por toda eternidade, em nenhuma delas aquilo era verdade. Portanto, acreditei em mentiras... Hoje em dia, ainda acredito nelas, só que consciêntemente.

Um dia amor...

Um comentário:

jessiwinny disse...

Muito bom!! Seria melhor se alguns momentos fossem realmente ETERNO! Mas fazer o que?! Avida é assim!!!

Seguidores

Tradução