sábado, 30 de outubro de 2010

Um brinde... À EuForia!

Euforia
O homem que corre gritando por estar satisfeito...
O cidadão que come empolgado, esfomeado e conformado...
Às noites em que o primeiro beijo acontece...
A volta pra casa depois do primeiro encontro...
Os sonhos infindáveis, contrariando as manchetes de noticiários...
A primeira vez que passa no vestibular...
À derrota que não mais acontecerá...
À bailarina que dança e nem bailarina é, nem saber dançar sabe.. mas dança...


Um brinde à EUFORIA!
Líquido doce, tons avermelhados, escorrega goela abaixo como pétalas de orquídeas azuis...
A última entrada e saída da parte sensível e escondida por todas...

Fases eufóricas, EuFórico... Elfo rico, feliz por poder brindar!

E pela felicidade... EuFaria!

Nenhum comentário:

Seguidores

Tradução