sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Marcas de batom...

Do riso à vaga desconfiança
Rasteira na doce roseira
Derruba, impiedosa, as flores
Assim o ciúme aos amores

Saúde é imunidade
Ciúme, necessidade
Falha porque é humano
Cego enciumado torna-se desumano

Vem a dor, vem o pranto
A planta que outrora forte
Agora perdeu o encanto
Ao léu, jogada à sorte

Vem ser feliz
Deixa o pathos¹
Perder é triste
Mas evita futuros atos



¹Pathos é uma palavra grega que significa excesso, catástrofe e sofrimento.

2 comentários:

Luucy disse...

o ciume que destrói... sufoca, corrói.
Por mais que seja usado como pretexto é muito diferente de amar.

Ana SS disse...

Com as perdas, só resta perdê-las!
Disse a Lya Luft algo assim

Seguidores

Tradução