quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Extra-terrestre Inverso

Estranho é ser bom
Extra-terrestre não é daqui
Pode ser de outro país
Que vem me fazer sorrir
Fazer coisas que nunca fiz

Pode ter vindo de outra mente
Ou dos seus limites sensoriais
Onde sempre tem quem invente
Terra de devaneios memoráveis

Que sabor tem os novos manjares?

Qual o prazer sentido na ponta dos dedos?

A vontade de vencer todos os medos...

Os normais e terráqueos não podem fazer, então nós os anormais seguimos com isso...

Essa loucura de fazer o que não pode e arriscar todos os riscos.

Um comentário:

Alicia disse...

Pra isso serve-se arriscar!
:)

Seguidores

Tradução